Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação

v. 5, n.1, 2009, p.104-116

BDOI: 2009-0000426-00001
DOI: empty

A nova centralidade do imaterial e o desafio do desenvolvimento sustentável

The new centrality of the immaterial and the challenge of sustainable development

ALBAGLI, Sarita.

Resumo
Apresentam-se as diversas abordagens que, desde a década de 60, têm ressaltado o novo papel do imaterial – informação, conhecimento, inovação, aprendizado, cultura, criatividade – na geração de riqueza e valor. Destacam-se suas principais características e concepções, enfatizando que embora convergindo no sentido de reconhecer a importância das tecnologias da informação e comunicação (TIC) e das plataformas digitais nesse cenário, partem de perspectivas e ênfases distintas na interpretação de suas motivações e seu significado econômico, político e social. Coloca-se, então, o debate sobre qual seria o arcabouço teórico-conceitual mais apropriado para melhor compreender o caráter e a extensão dessas transformações contemporâneas, destacando também os desdobramentos no campo da política - no sentido do “fazer político” e no das políticas como estratégias de ação. Em decorrência, são descritas as implicações distintas e seu envolvimento com as estratégias de fortalecimento e afirmação de segmentos sociais marginalizados, de construção democrática, da cidadania e de desenvolvimento socioeconômico. Finalmente, sem a pretensão de esgotar a multiplicidade de aspectos e perspectivas que o tema envolve, são apontadas algumas das questões e considerações sobre suas possíveis interfaces com a questão do desenvolvimento sustentável.
Palavras-chave: Desenvolvimento sustentável. Cidadania. Informação. Conhecimento. Inovação.

Abstract
The work shows different approaches that, since the 60s, have stressed the new role of the immaterial – information, knowledge, innovation, learning, culture, creativity – in generating wealth and values. It also highlights their main features and concepts, emphasizing that while converging towards recognizing the importance of information and communication technologies and the digital platforms in this scenario, they start from different perspectives and emphases in the interpretation of their motivations and their economic, political, and social meaning. This work then presents the debate over what is the most suitable theoretical and conceptual framework to better understand the nature and extent of these contemporary transformations, also highlighting the developments in the field of politics in the sense of “doing politics” and in politics as action strategies. Consequently, it describes the implications and their involvement with the strategies for affirmation and empowerment of marginalized social groups, of building democracy, citizenship and socioeconomic development. Finally, without claiming to exhaust the multiplicity of aspects and perspectives involved in this topic, the work points out some of the issues and considerations about their possible interfaces with the question of sustainable development.
Keywords: sustainable development; citizenship; Information; knowledge; innovation

Referências

  • ALBAGLI, S. Geopolítica da biodiversidade. Brasília: Edições IBAMA, 1998.
  • ALBAGLI, S.; MACIEL, M.L. Informação, conhecimento e desenvolvimento. In: MACIEL, M. L. AND ALBAGLI, S. (Orgs.). Informação e desenvolvimento: conhecimento, inovação e apropriação social. Brasília: Ibict/UNESCO, 2007.
  • BELL, Daniel. O advento da sociedade pós-industrial: uma tentativa de previsão social. São Paulo: Abril Cultural, 1976 [1973].
  • BOLAÑO, C. R. S. Economia Política da Comunicação: uma contribuição marxista para a constituição do campo comunicacional. In: BOLANO, C.R.S; MASTRINI, G. (Org.). Matrizes comunicacionais latino-americanas: Marxismo e Cristianismo. 5 ed. São Bernardo do Campo: UMESP, 2002, v. 5, p. 43-62.
  • COCCO, G. A nova qualidade do trabalho na Era da Informação In: LASTRES, H.M.M.; ALBAGLI, S. Informação e globalização na era do conhecimento. Rio de Janeiro: Campus, 1999. p. 262-289.
  • COCCO, G. Trabalho e Cidadania: produção e direitos na era da globalização. São Paulo: Editora Cortez, 2000. 193 p.
  • COCCO, G.; GALVÃO, A. P. ; SILVA, G. (Orgs.) Capitalismo cognitivo: trabalho, redes e inovação. Rio de Janeiro: DP&A, 2003.
  • CRUZ, M.F. A norma do novo. Fundamentos do sistema de patentes na modernidade: filosofia, história e semiótica. Rio de Janeiro, 1996. 231 p.
  • DANTAS, M. Capitalismo na Era das Redes: trabalho, informação e valor no ciclo da comunicação produtiva In: LASTRES, H.M.M.; ALBAGLI, S. Informação e globalização na era do conhecimento. Rio de Janeiro: Campus, 1999. p. 216-261.
  • DOSI, G., Technological paradigms and technological trajectories: a suggested interpretation of the determinants and directions of technical change. Research Policy, 11, 1982.
  • DRUCKER, P. The Age of Discontinuity: guidelines to Our Changing Society. New York: Harper & Row, 1968.
  • FORAY, D.; LUNDVALL, B.-A. The knowledge-based economy: from the economics of knowledge to the learning economy In: NEEF; SIESFELD; CEFOLA (Eds.) The economic impact of knowledge. Boston: Butterwoth/Heinemann, 1996. p. 115-121.
  • FREEMAN, C.; PEREZ, C. The diffusion of technical innovations and changes of techno-economic paragm. Londres: University of Sussex, 1986.
  • HARDT, M; NEGRI, A. Empire. Cambridge: Harvard University Press, 2000.
  • HARVEY, D. A condição pós-moderna. .São Paulo: Edições Loyola, 1993.
  • LASTRES, H.M.M.; FERRAZ, J.C. In: LASTRES, H.M.M.; ALBAGLI, S. Informação e globalização na era do conhecimento. Rio de Janeiro: Campus, 1999.
  • LUNDVALL B-Å. The learning economy. Journal of Industry Studies, v. 1, n. 2, 1993.
  • MACHLUP, F. The Production and Distribution of Knowledge in the United States. Princeton, 1962.
  • MACIEL, M.L.; ALBAGLI, S. Knowledge Societies, seen from the South: local learning and innovation challenges. International Social Science Journal (Special issue on Global Knowledge), n. 195, March, 2009.
  • MARQUES, I.C. Desmaterialização e trabalho In: LASTRES, H. M. M.; ALBAGLI, S. (Orgs.). Informação e globalização na era do conhecimento. Rio de Janeiro: Campus, 1999. p. 191 -215.
  • MOULIER-BOUTANG, Y. Le capitalisme cognitif: la nouvelle grande transformation. Paris: Amsterdam, 2007.
  • MOULIER-BOUTANG, Y. Wikipolitique et api-économie, information, pouvoir et politique dans une société numérique (Version préliminaire). In : Seminário Internacional « Informação, Poder e Política : novas mediações tecnológicas e institucionais”. Anais.. Rio de Janeiro: IBICT; UFRJ, 2009.
  • POLANYI, M. The Tacit Dimension. London: Routledge & Kegan, 1966.
  • PORAT, M.U. The Information Economy. California: Stanford University, 1976.
  • SFEZ, Lucien. Informação, saber e comunicação. Informare – Caderno do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, p. 5-13, 1996.
.3.
field ## content
022 ## |a 0100-0691 |l 0100-0691
022 ## |a 1980-6949 |l 0100-0691
100 1_ |a ALBAGLI, Sarita.
245 10 |a A nova centralidade do imaterial e o desafio do desenvolvimento sustentável |6 idioma pt_BR
246 10 The new centrality of the immaterial and the challenge of sustainable development |6 idioma en
300 10 |a v. 5, n. 1, 2009, p.104-116
520 3# |a Apresentam-se as diversas abordagens que, desde a década de 60, têm ressaltado o novo papel do imaterial – informação, conhecimento, inovação, aprendizado, cultura, criatividade – na geração de riqueza e valor. Destacam-se suas principais características e concepções, enfatizando que embora convergindo no sentido de reconhecer a importância das tecnologias da informação e comunicação (TIC) e das plataformas digitais nesse cenário, partem de perspectivas e ênfases distintas na interpretação de suas motivações e seu significado econômico, político e social. Coloca-se, então, o debate sobre qual seria o arcabouço teórico-conceitual mais apropriado para melhor compreender o caráter e a extensão dessas transformações contemporâneas, destacando também os desdobramentos no campo da política - no sentido do “fazer político” e no das políticas como estratégias de ação. Em decorrência, são descritas as implicações distintas e seu envolvimento com as estratégias de fortalecimento e afirmação de segmentos sociais marginalizados, de construção democrática, da cidadania e de desenvolvimento socioeconômico. Finalmente, sem a pretensão de esgotar a multiplicidade de aspectos e perspectivas que o tema envolve, são apontadas algumas das questões e considerações sobre suas possíveis interfaces com a questão do desenvolvimento sustentável. |6 idioma pt_BR
520 3# |a The work shows different approaches that, since the 60s, have stressed the new role of the immaterial – information, knowledge, innovation, learning, culture, creativity – in generating wealth and values. It also highlights their main features and concepts, emphasizing that while converging towards recognizing the importance of information and communication technologies and the digital platforms in this scenario, they start from different perspectives and emphases in the interpretation of their motivations and their economic, political, and social meaning. This work then presents the debate over what is the most suitable theoretical and conceptual framework to better understand the nature and extent of these contemporary transformations, also highlighting the developments in the field of politics in the sense of “doing politics” and in politics as action strategies. Consequently, it describes the implications and their involvement with the strategies for affirmation and empowerment of marginalized social groups, of building democracy, citizenship and socioeconomic development. Finally, without claiming to exhaust the multiplicity of aspects and perspectives involved in this topic, the work points out some of the issues and considerations about their possible interfaces with the question of sustainable development. |6 idioma en
650 1_ |a citizenship |9 en |6 [ link ]
650 1_ |a Information |9 en |6 [ link ]
650 1_ |a knowledge |9 en |6 [ link ]
650 1_ |a innovation |9 en |6 [ link ]
650 1_ |a Desenvolvimento sustentável. Cidadania. Informação. Conhecimento. Inovação. |9 pt_BR |6 [ link ]
773 0# |a São Paulo |t Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação |x 0100-0691
856 4# |u https://brapci.inf.br/index.php/main/download/11849/342eb79605e73af5bf4383dfa0624b99
RDF